A Fundação
Os Arquitectos
A Documentação
Património Edificado
Investigação
Edições
Conferências
Colóquios
Exposições
Cursos
Visitas Guiadas
Viagens Culturais
Outras iniciativas
Gravações vídeo
Newsletter
Contactos
Loja
Destaques
Carrinho de Compras
Arquivo digital
Catálogo bibliográfico
facebook
facebook

3 | Veneza - Finissage da Bienal de Arquitectura 2016
2 | Entre Porto e Paris
1 | 1913-2013 Bruxelas e Gand

 

 


 

 

 

Veneza - Finissage da Bienal de Arquitectura 2016
Viagem de 4 dias - 24 a 27 de novembro


 

A 15ª edição da Bienal de Arquitetura de Veneza, comissariada por Alejandro Aravena, irá encerrar a 27 de novembro. Portugal encontra-se representado pelo projeto "Neighbourhood: where Álvaro meets Aldo", com curadoria dos arquitetos Nuno Grande e Roberto Cremascoli. Para assinalar a finissage, o Governo de Portugal-DG Artes está a programar, no Bairro da Giudecca, uma visita guiada pelos curadores à exposição e uma conferência com o arquiteto Álvaro Siza.

 

Para quem ainda não teve oportunidade de visitar a Biennale, a Fundação Marques da Silva e a Talkie-Walkie programaram, com o apoio da Agência Pinto Lopes, uma viagem a Veneza que inclui não somente o acesso à visita guiada e à conferência, como a possibilidade de conhecer os espaços da Biennale instalados no Giardini e no Arsenal. Oportunidade portanto para conhecer as respostas ao desafio lançado por Aravena, como mote para esta edição "Reporting from the Front".

 

O roteiro proposto oferece ainda a possibilidade de visitar a Igreja del Santissimo Redentore, de Andrea Palladio, e o recém-inaugurado Museu de Arte Punta della Dogana, de Tadao Ando.

 

As inscrições decorrem até ao dia 27 de outubro.
 

Para aceder ao roteiro completo e conhecer condições de participação, pf clique aqui

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entre Porto e Paris

Viagens de Marques da Silva | 2

23 a 27 de abril de 2014

 

 

 

A viagem deve ser entendida como uma constante na obra e atividade profissional do arquiteto Marques da Silva, fundamental e influenciadora de toda a sua produção arquitetónica. Viajar constitui uma forma de estudo, uma oportunidade de buscar soluções e modelos para os projetos a executar, numa tentativa de transpor para o seu país as novidades e as referências, ao seu tempo, definidoras do progresso e da modernidade.


A cidade de Paris adquire uma dimensão simbólica no percurso de Marques da Silva. A ela chega em 1889, na azáfama da comemoração do centenário da Revolução e enquanto se erguia a Torre que hoje se confunde com a imagem da cidade. A aprendizagem e vivência parisiense acabariam por ser estruturantes no percurso do arquiteto e do homem, para quem Paris será uma referência permanente, um lugar de eterno retorno.

Por proposta da Fundação e com organização da Touch Travel, este será o próximo destino do circuito das Viagens de Marques da Silva, a (re)descobrir na companhia do conferencista Pierre Léglise-Costa, entre 23 e 27 de abril. 

 

Consultar itinerário e condições
 

 

 

1913-2013 Bruxelas e Gand

Viagens de Marques da Silva | 1

10 a 13 de outubro de 2013

 

Postais relativos à Exposição Universal de Gand, em 1913, adquiridos por José Marques da Silva

 

 

Com a programação de uma viagem a Bruxelas e Gand, a realizar entre 10 e 13 de outubro de 2013, a Fundação Marques da Silva inicia um ciclo de propostas de turismo cultural inspiradas nas “Viagens de Marques da Silva”.
 

Em 1913, Marques da Silva empreendeu uma viagem à Bélgica com o intuito de visitar a Exposição Universal de Gand. Num ano em que ocupava o lugar de Diretor da Escola Portuense de Belas Artes, fazia parte da Comissão Municipal de Estética e desenvolvia importantes projetos na cidade do Porto, entre eles, o Teatro de S. João, os Armazéns Nascimento e o Liceu Alexandre Herculano, a visita à Exposição proporcionou-lhe a oportunidade de percorrer as várias seções que a integravam, então distribuídas por 22 grupos, e nos quais, considerando os seus interesses, se destacavam as temáticas relacionadas com a Educação e Ensino, as  Artes (grupo onde se inscrevia a Arquitetura), a Decoração de mobiliário ou a Higiene e Conforto. Em 2013, passados 100 anos, a Fundação Marques da Silva propõe a revisitação de Gand, cidade que comemora a efeméride com uma série de iniciativas ilustrativas da importância da Exposição, no seu tempo e dos seus reflexos na atualidade, com passagem por Bruxelas, um dos destinos também visitados por Marques da Silva.
 

O roteiro proposto apresenta um programa diversificado, distribuído por 4 dias, que convida o participante a percorrer as obras e locais mais emblemáticos das duas cidades na companhia de guias especializados em arquitetura e  história da arte, bem como a visitar algumas das exposições e iniciativas culturais patentes ao público em outubro de 2013.

 

PROGRAMA

Primeiro dia: 

Porto/Bruxelas
Visita ao centro de Bruxelas
Programa opcional: ida ao teatro La Monnaie


Segundo dia: 

Visita guiada "De l´Art Nouveau à l´Art Déco"
Visita ao Museu Real de Belas-Artes de Bruxelas
Bruxelas/Gand
Passeio noturno pela cidade
 

Terceiro dia:

Visita guiada "100 years of world exhibition 1913"
Visita pelo centro histórico de Gand
 

Quarto dia:

Visita ao Museu de Belas-Artes de Gand
Visita ao Museu de Design de Gand
Gand/Bruxelas
Bruxelas/Lisboa/Porto

 

PREÇOS e CONDIÇÕES

Preço individual:
Em quarto duplo: €950
Em quarto individual: €1100

 

Serviços incluídos:
• Passagens aéreas em classe económica na TAP/Brussels Airlines
• Estadia de 3 noites em quartos standard em hóteis de 4 estrelas e em regime de pequeno-almoço incluído
• Transfers
• Bilhetes de comboio
• Guia especializado durante todo o programa e guias locais em actividades específicas em Bruxelas e Gand
• Entradas nos museus e visitas guiadas
• Manual do viajante
 

PAGAMENTO e INSCRIÇÕES

30% no ato da inscrição
70% até 30 dias antes da data da partida.

Inscrição: só é válida com o pagamento do sinal; o viajante pode inscrever-se através de email [fims@reit.up.pt | assunto: 1913-2013 | Bruxelas e Gand] até 30 de setembro, mediante o número de lugares disponíveis;
Confirmação da viagem: até 31 de agosto.
Número mínimo para a realização da viagem: 10 participantes.
 

Visita virtual à exposição de 1913
Imprimir folheto informativo

 

 



© fundação instituto arquitecto josé marques da silva / uporto / design: studio andrew howard / programação: webprodz